Responsáveis pelo preparo de refeições fora do lar, os Serviços de Alimentação movimentam 4.000 toneladas de alimentos diários no País. Atenta a essa crescente demanda, a CEAGESP oferece mais um serviço à população brasileira. Por meio do Centro de Qualidade Hortigranjeira (SECQH), a empresa criou o Hortiescolha, um programa gratuito de orientação de compras de hortifrutis para os Serviços de Alimentação.

Frutas e hortaliças frescas respondem por 19% do custo das empresas de refeições coletivas, que servem 24 milhões de refeições/dia para empregados de empresas. Diariamente, 47 milhões de refeições são servidas nas escolas públicas do país. As frutas e hortaliças são componentes essenciais na Alimentação Escolar, pelo valor nutricional e pelo potencial de oferecer diversidade de alimentos às crianças: aromas, sabores, cores, formatos e texturas diferentes.

É muito comum que a indicação de compra recaia sobre o produto mais valorizado na cotação de preços e que o produto recebido pela merendeira seja o menos valorizado: paga-se pelo mais caro e recebe-se o mais barato. A aparência externa, em muitos casos não é tão importante quanto para o produto vendido in natura para o consumidor.

O grande desafio é estabelecer a classificação do produto que garanta melhor custo-benefício para cada utilização. A compra de alimentos para Serviços de Alimentação exige a caracterização precisa do alimento e uma base para a negociação de preço.

Com o Hortiescolha, a CEAGESP desenvolve um trabalho cujo objetivo é a criação de uma ferramenta de caracterização, escolha e controle de qualidade das frutas e hortaliças frescas para utilização em Serviços de Alimentação.