Melões

As margens do Rio Niger em Guiné-Bissau na África são o centro de origem e de diversidade do melão. Estudos arqueológicos mostram o cultivo do melão no Irã, antiga Pérsia, 5400 anos AC. O melão chegou ao Brasil com a escravidão e depois com os imigrantes europeus. A maior parte do melão consumido no Brasil foi, durante muitos anos, importada. Hoje o Brasil é um grande produtor e exportador de melão, com a produção concentrada no Nordeste.

O local ideal para a produção de melão é quente, seco, muito ensolarado, com água para irrigação. O melão é classificado, pelos pesquisadores agrícolas, como hortaliça ou olerícola por seu ciclo curto e o plantio em canteiros e estufas, e como fruta, no consumo, por seu gosto doce e tipo de consumo.

Os melões pertencem à mesma família botânica da melancia, do pepino, da abóbora – Cucurbitaceae. Os melões que consumimos no Brasil pertencem às espécies botânicas Cucumis melo var. reticulatus Ser., Cucumis melo var. cantaloupensis Naud., Cucumis melo var. inodorus Naud. e Cucumis melo var. saccharinus Naud e do resultado do cruzamento entre essas espécies.

Os melões que consumimos como fruta podem ser organizados em dois grupos varietais: aromático e inodoro.

O grupo aromático engloba as variedades de melão cheirosas, climatéricas (metabolismo intenso após a colheita), com abscissão do pedúnculo quando bem maduras, com casca rugosa ou reticulada com diferentes desenhos, polpas de diferentes colorações, com e sem suturas. Os belos desenhos reticulados na casca são o resultado da suberização e lignificação das fissuras, que se desenvolvem com o crescimento do fruto e abrigam um grande número de lenticelas.

O grupo inodoro reúne as variedades de melão sem aroma, não climatéricas (baixo metabolismo pós-colheita), sem abscissão de pedúnculo quando maduro, casca lisa ou enrugada, polpa branca ou amarela.  

Os melões do grupo aromático exigem maiores cuidados pós-colheita. Eles perdem água rapidamente e o seu tempo de prateleira é menor que os melões do grupo inodoro.

O esforço de garantia de sabor por produtores brasileiros revolucionou a produção e o consumo de melão no Brasil nos últimos anos. A garantia de sabor exige maior tempo de produção para que a colheita só seja feita depois do completo amadurecimento do fruto, o resfriamento rápido do fruto após a colheita, manuseio cuidadoso, armazenamento e transportes refrigerados. Hoje o melão brasileiro tem a marca e a garantia de sabor do produtor e a confiança do consumidor.

Conheça aqui a beleza e a diversidade dos nossos melões. V. pode fazer o download da cartilha, solicitar a sua versão impressa ou ainda soliciatr o seu arquivo para impressão.

É só entrar em contato com Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo telefone 11 36433825 ou 11 36433890.

melao capa cartilha

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Cartilha Variedades de Melão